Gostou? Compartilhe! :)

A Rede se destaca como uma das maiores empresas de meios de pagamento eletrônico do Brasil. O seu trabalho consiste em credenciar, capturar, transmitir, processar e liquidar transações feitas por meio de cartões de crédito ou débito. A empresa foi fundada em 1996 e, atualmente, faz parte do grupo Itaú Unibanco.

Sobre o Programa de Estágio

O estágio Rede tem duração de 18 meses. Ao longo desse período, os estudantes serão encarregados de tarefas básicas da área comercial, como o planejamento de agenda de visitas diárias e o acompanhamento nas visitas aos clientes.

O trabalho do estagiário consistirá, basicamente, em fornecer apoio aos executivos comerciais na hora de prospectar novos clientes e efetuar uma venda dos produtos e serviços da Rede.

Benefícios:

  • Bolsa auxílio compatível com o mercado;
  • Vale transporte;
  • Vale refeição;
  • Ao final do programa, ele também terá a chance de efetivação na empresa.

Pré requisitos:

  • Vai recrutar jovens versáteis, arrojados, dispostos a crescer profissionalmente e que gostam de superar desafios;
  • Serão contratados os candidatos proativos, criativos, inovadores, com boa capacidade comunicação e capazes de trabalhar em grupo;
  • Ser estudante do ensino superior.Com formação prevista para o período que vai de dezembro de 2018 a julho de 2019.

Cursos aceitos:

  • Administração;
  • Ciências Contábeis;
  • Comunicação Social;
  • Economia;
  • Marketing;
  • Publicidade e Propaganda;
  • Relações Públicas.

Etapas do Processo Seletivo:

  • Inscrições;
  • Testes + Entrevistas Individuais;
  • Entrevistas com gestores;
  • Admissão.

Neste ano de 2017, a Rede quer contratar jovens talentos para integrar o seu time de colaboradores. Por isso resolveu abrir oportunidades de estágio de nível superior não só em São Paulo, mas também em Curitiba, Salvador, Brasília, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Recife.

Os interessados em se inscrever acessem aqui. As inscrições vão até 31 de julho!


Fonte: Via Carreira

Imagem em destaque: Foto/Reprodução internet