Gostou? Compartilhe! :)

Como fazer relatório de estágio? Não adianta se desesperar na hora de responder a esta pergunta. Esse relatório é um documento simples que visa deixar registrado como foi o seu período de estágio e quais foram as lições mais valiosas que você conseguiu tirar dele.

Por ser o estágio uma importante etapa na vida acadêmica, é interessante que você capriche bastante no momento de fazer o relatório, pois ele é um documento relevante que pode influenciar diretamente no seu futuro profissional. Pensando nisso, separamos algumas dicas para quem está precisando fazer o seu relatório de estágio. Confira!

Qual deve ser o tamanho do relatório de estágio?

Geralmente essa informação é passada ao estagiário antes mesmo do início previsto para o Programa de Estágio. Se isso não aconteceu com você, pergunte e se informe sobre tudo o que deverá saber para compor o seu relatório de estágio ao final do processo.

Geralmente esse tipo de relatório possui de 15 a 80 páginas, variando bastante de acordo com o tempo que o estagiário dedica à empresa ou entidade pública onde está atuando. E claro, seguir o que o tutor/professor solicitar.

Como as informações devem ser organizadas?

Esta é outra informação que geralmente é detalhada diferentemente por cada instituição que promove programas de estágio. Se as especificações não foram feitas no seu caso, você pode seguir um “modelo padrão” de relatórios de estágio.

Comece com uma página de face, com nomes, datas, cargos, endereços e todas as informações gerais que forem relevantes ao programa. Depois, você precisará montar um plano detalhado do estágio indicando tudo o que aconteceu durante o período que está sendo analisado.

Estrutura do relatório de estágio

Na hora de traçar o plano detalhado, que é basicamente o corpo do relatório, você pode desenvolver o trabalho pela seguinte lógica:

Introdução: apresente e contextualize o seu programa de estágio.

Sumário: capriche no sumário para que o leitor do relatório de estágio não se perca entre tantas informações.

Descrição da empresa: apresente a empresa onde você fez estágio. Em qual mercado ela atua? Com quais serviços? Quais são seus principais valores e características? Entender a cultura organizacional de uma instituição é o primeiro passo para se aproveitar bem um programa de estágio.

Descrição das suas atividades: esta seção diz respeito às suas funções no contexto da empresa. Como você foi útil àquela organização no período em que esteve por lá?

Conclusão: A conclusão é sempre o momento de “amarrar” todas as pontas soltas. Procure deixar claro quais foram os aspectos positivos e negativos (se é que existiram) do estágio para a sua formação como profissional e indivíduo.

Após a conclusão, você ainda poderá contar com o auxílio de elementos opcionais como gráficos, quadros que foram mencionados durante o relatório, glossário etc.

Dica: Mantenha um diário sobre o estágio

Se você ainda não finalizou o estágio, uma boa dica é manter um documento onde você anotará todas as informações mais relevantes do dia a dia no estágio. Dessa forma, quando for preciso iniciar a produção do relatório de estágio, tudo estará mais fresco e claro em sua mente.


Fonte: Via Carreira

Imagem em destaque: Foto/Reprodução internet